Jardinagem

5 truques para cuidar das plantas antes de viajar

O fim de ano é quase que sinônimo da abertura da temporada de férias. E são tantos os detalhes para se pensar nessa época – o que levar, como chegar, etc – que é fácil esquecer daquilo que precisa ser resolvido enquanto estivermos fora. E isso inclui a clássica pergunta: como cuidar das plantas antes de viajar?

Se você tem plantas muito sensíveis e delicadas, o melhor a fazer é pedir para um amigo cuidar delas. Agora, se as espécies são mais resistentes, ou se você não vai ficar muito tempo fora, pode lançar mão de alguns truques para proteger a sua “floresta”. Confira quais são eles!

como cuidar das plantas ao viajar

COMO CUIDAR DAS PLANTAS ANTES DE VIAJAR

1) Faça uma rega generosa antes de partir

Para viagens curtas, de cerca de uma ou duas semanas, você pode fazer uma boa rega antes de partir. Certifique-se apenas de não deixar acúmulo de água no pratinho, para não atrair o mosquito da dengue. Para facilitar, você pode colocar todas as plantas no banheiro e molhá-las abundantemente.

Férias superiores a duas semanas requerem um pouco mais de planejamento. Uma boa alternativa é, após a rega, envolver sua planta em um saco plástico transparente, com alguns furos para circulação do ar, e criar assim uma estufa improvisada. Isso ajudará a manter os níveis de umidade altos. Outra opção é agrupar as plantas em um pequeno espaço, como o box do banheiro. Nessa hipótese, apenas certifique-se da existência de uma janela para ajudar a manter a umidade.

2) Proteja as plantas do sol

Ainda que estejam acostumadas com o sol, muitas plantas tropicais podem começar a murchar depois de muitos dias sem vigilância sob a luz solar direta.

Assim, se você costuma manter suas plantas em um peitoril da janela, procure afastá-las um pouco do sol enquanto estiver fora. Esse cuidado, no entanto, é desnecessário se você estiver cultivando suculentas, pois elas costumam resistir a períodos extremamente secos.

3) Esqueça o fertilizante

O ideal é que suas plantas cresçam o mais lentamente possível e economizem as energias enquanto você estiver fora. Por isso, esqueça o fertilizante e dê a elas um momento de descanso e relaxamento.

4) Estabilize a temperatura

As temperaturas flutuantes podem causar danos sérios às plantas domésticas. E como você não vai estar por perto, o melhor a fazer é protegê-las da variação. Dessa forma, não as deixe perto de correntes de ar e se possível coloque-as em um lugar da casa em que a temperatura é mais constante independentemente da situação lá fora.

5) Aposte em vasos autoirrigáveis

Os vasos autoirrigáveis garantem a saúde das plantas por até 14 dias sem regar. Isso porque possuem sistema de irrigação por capilaridade, assim a planta suga do reservatório somente a quantidade de água que realmente precisa.

Vasos Autoirrigáveis Raiz, clique no link para ver mais.

Por falar em reservatório, vale lembrar que esse compartimento do vaso fica fechado, sem contato com o ambiente externo. Ou seja, não há risco de proliferação do mosquito da dengue.

Quer saber mais sobre o funcionamento dos vasos autoirrigáveis? Confira algumas das opções disponíveis em thony.com.br ou visite uma das lojas da Thony em Porto Alegre! Lembrou de alguma dica para cuidar das plantas antes de viajar? Compartilhe conosco nos comentários!


* Confira também aqui no blog o post Horta em Casa: como cultivar temperos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *