Dicas, Praia, Piscina, Churrasco

Como proteger a casa da maresia

como proteger a casa da maresia

Nessa época do ano as casas e apartamentos na praia ganham uma atenção toda especial. Afinal, quem não gosta de aproveitar o calor à beira do mar?

E, independente de você morar ou apenas passar férias no litoral, é também nesse período que vem à tona um problema comum nas moradias localizadas da praia: a maresia.

A boa notícia é que bastam alguns cuidados de manutenção e escolha de materiais para amenizar e mesmo acabar com o problema. Confira as dicas da Thony e saiba como proteger a casa da maresia.

  • Cuidado básico: a maresia é causada pelo sal que vem do mar e se acumula nas superfícies, por isso a primeira dica é limpar a casa com um pano úmido para evitar a ação oxidante.
  • Esquadrias: opte por janelas e portas de PVC, e também forros de PVC. Embora possam amarelar com o tempo, são as melhores saídas contra a maresia.
  • Metais (torneiras e maçanetas): escolha opções em aço inoxidável ou metais com acabamento cromado biníquel, as quais são mais resistentes contra corrosão. Nas dobradiças das portas use semanalmente um óleo para proteger os mecanismos de metal e evitar que fiquem rangendo.
  • Móveis: sempre que possível opte por móveis em fibras sintéticas ou madeira, tanto para ambientes externos quanto internos. É importante tratar as peças de madeira com vernizes e manter uma manutenção frequente com óleo de peroba.
  • Telhados: as telhas também devem receber uma camada de impermeabilizante para diminuir os efeitos da maresia.
  • Paredes externas: uma vez que o sal penetra nos poros do concreto, pode ocorrer a ferrugem das estruturas metálicas internas e posterior rachadura no concreto. Por isso é importante pintar as paredes com tinta impermeabilizante, que evita a penetração do sal.
  • Paredes internas: no interior das casas as gotículas de maresia tendem a aumentar os níveis de umidade, provocando proliferação de fungos e bolores. Por isso, dê preferência para tintas com fungicidas na fórmula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *