Construção

Tubos e conexões: 7 dicas para não errar

tubos e conexões

O Mês da Construção já começou na Thony e, além de descontos especiais, preparamos uma série com dicas para quem trabalha no setor da construção ou pretende colocar a mão na massa e tirar aquele antigo projeto do papel.

E quando o assunto é construção, tão importante quanto a parte externa é cuidar da estrutura interna, incluindo aí as instalações hidráulicas. Confira algumas dicas para não errar na compra de tubos e conexões e para fazer o seu projeto fluir numa boa!

  1. Consulte um profissional

Um encanador profissional é quem melhor pode orientá-lo sobre a compra das peças. Parece simples, mas pequenos detalhes influenciam no projeto. Por exemplo, a altura da caixa-d’água exerce influência direta sobre a escolha de uma ducha e a pressão que ela irá receber. E um profissional é a pessoa mais indicada para avaliar todas essas circunstâncias.

  1. Escolha uma boa marca e siga com ela

Pode até parecer que todos os tubos e conexões são iguais. Mas é só impressão. Peças de marcas diferentes podem não se ajustar entre si, causando um risco maior de vazamentos. É importante prestar atenção nos materiais que você está comprando e seguir a obra inteira com eles.

Veja mais aqui.
Veja mais aqui.
  1. Use conexões apropriadas

Jamais fixe tubos ou faça dobras nos canos usando fogo (ou outra manobra) para derreter o material. Compre as conexões apropriadas. São elas que aumentam a segurança do sistema hidráulico.

  1. Não economize com registros

Por mais bem executada que seja uma instalação hidráulica, ela está sujeita a imprevistos e o melhor que você pode fazer é estar preparado para eles. Por isso, coloque um registro em cada ambiente onde houver torneiras. Se houver algum problema, você só precisa fechar o registro necessário e garante que o resto da casa continue com água.

  1. Armazene os materiais corretamente

A forma correta de guardar tubos é na posição horizontal, enquanto que as conexões devem ser mantidas nos respectivos sacos ou caixas. Lembre-se ainda de deixar o material ao abrigo da luz.

  1. Teste o encanamento antes de fechar a parede

O modo correto de fazer esse teste é pedindo que o encanador tampe todos os locais de saída de água e deixe o registro aberto durante 24 horas. Lembre-se, é claro, de conferir se a caixa d’água está cheia antes de dar início ao teste. Se estiver tudo certo, sem ocorrência de nenhum vazamento, aí sim, a parede pode ser fechada.

  1. Guarde o plano de instalação hidráulica

Um detalhe que soluciona muitos problemas futuros é guardar a planta hidráulica após a conclusão da obra. Trata-se de um desenho dos cômodos – ou de fotos, caso você lembre de fazê-las durante a construção – que ilustra o lugar exato por onde passam os canos. Essa é uma informação essencial para futuras reformas e até mesmo para alterações simples, como fazer um furo na parede.

1 thought on “Tubos e conexões: 7 dicas para não errar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *