Reforma e construção

Minidisjuntores Steck: o que você precisa saber ao comprar disjuntor

Instalações elétricas exigem profissionais habilitados. É essa pessoa que irá orientar você sobre as melhores escolhas para o seu imóvel. Ao mesmo tempo, é legal ter alguns conhecimentos básicos sobre os equipamentos elétricos para realizar compras com maior custo-benefício. É por isso que hoje vamos falar um pouco sobre os minidisjuntores Steck – ou disjuntores DIN – e o que você precisa saber sobre o funcionamento de um disjuntor.

Confira as informações que selecionamos! Depois é só aproveitar os melhores preços e condições de pagamento em materiais elétricos no site da Thony ou nas lojas em Porto Alegre!

PARA QUE SERVE O DISJUNTOR?

Em uma definição simples, o disjuntor serve para monitorar e controlar a corrente elétrica, interrompendo imediatamente sua circulação em caso de picos que ultrapassem o considerado adequado.

Assim, quando ocorre um pico de energia, o disjuntor desarma, desligando toda a energia elétrica do circuito que está ligado a ele.

O QUE SÃO MINIDISJUNTORES?

Minidisjuntores  são dispositivos eletromecânicos compactos, utilizados para proteger condições de sobrecarga e curto-circuito. Eles são também chamados de disjuntores DIN.

Esse tipo de equipamento é utilizado para proteger circuitos de baixa tensão até o nível da corrente de curto circuito de 10kA em redes até 240/415VCA conforme a norma ABNT NBR NM 60898.

QUAL A VANTAGEM DE UTILIZAR UM MINIDISJUNTOR (DIN)?

Antes da chegada dos disjuntores DIN ao mercado, as proteções eram feitas pelos disjuntores NEMA. E as diferenças são bem significativas entre os dois modelos.

Os disjuntores NEMA só possuem um elemento de proteção, tanto para sobrecarga como para curto-circuito. Já os minidisjuntores – ou disjuntores DIN – possuem dois elementos de proteção, um para sobrecarga e outro para curto-circuito, o que torna dessa forma a proteção muito mais eficiente e rápida.

POR QUE O DISJUNTOR TEM DIFERENTES CURVAS?

Os minidisjuntores podem ser de curva B ou C. 

Os disjuntores curva B são destinados para proteção de circuitos com predominância resistiva. Ou seja, cargas que não sofrem alteração de corrente, por exemplo, secador de cabelo, chuveiro, etc.

Os disjuntores curva C são próprios para proteção de circuitos com predominância indutiva. Ou seja, cargas que sofrem pico de corrente, como é o caso do ar-condicionado.

CONHEÇA OS MINIDISJUNTORES STECK

Os minidisjuntores Steck proporcionam alta proteção das instalações e dos condutores elétricos contra curtos-circuitos e sobrecargas. Cada equipamento é construído em conformidade com as mais rigorosas normas técnicas e portanto podem ser aplicados a todo tipo de instalações de baixa tensão em corrente alternada.

A linha de minidisjuntores Steck é composta por equipamentos de alta tecnologia que sobretudo protegem fios e cabos elétricos. Dessa forma, proporcionam aplicações seguras e econômicas em instalações elétricas residenciais, comerciais e industriais. 

Os equipamentos da Steck também possuem contatos especiais de prata que oferecem garantia de segurança contra soldagem. Além disso são produtos de disparo livre, isto é, podem disparar mesmo com a alavanca de acionamento travada na posição “liga”.

Quer saber mais sobre outros equipamentos de proteção elétrica? Qual a sua dúvida na hora de construir ou reformar? Conta pra gente nos comentários!


* Confira também aqui no blog o post Tomadas e interruptores de embutir: veja as vantagens e como instalar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *